Pessoas que já passaram por difíceis situações são mais fortes e aptas a enfrentar novos acontecimentos ruins?

Certamente. Observo em minha clínica que a superação ocorre quando uma aliança de aprendizado com o sofrimento é construída, favorecendo benefícios adicionais à qualidade de vida anterior à ocor­rência do trauma. Os conhecimentos adquiridos nesse processo não são restritos ao momento e beneficiarão também outros domínios da vida. O sofrimento traumático pode ser de fato apenas parte de uma história de superação.

Trecho de entrevista concedida ao O site Abílio Diniz ((http://abiliodiniz.uol.com.br/abilio-diniz.htm))