O que é o trauma?

“Trauma”, em sua raiz etimológica grega, significa lesão causada por um agente externo. O conceito migrou para o campo psicológico ligado ao significado ferida: uma excitação superior a capacidade de processamento cognitivo do indivíduo. Portanto, considera-se ocorrência de um trauma uma vez que as defesas psicológicas naturais são transpassadas – porém, não exclusivamente causada por um agente externo. A teoria da “reação universal ao trauma” foi relativizada a partir de estudos que mostraram um grau de variedade individual em processar os eventos ocorridos durante a vida e as emoções básicas. Em outras palavras, o processamento subjetivo do episódio pode caracterizar ou não a configuração do trauma. Perdas de entes queridos, acidentes, enfermidades, abortamentos (espontâneos ou provocados), separações, catástrofes naturais e especialmente violências causadas pelo homem como assaltos, seqüestros e abusos sexuais, figuram entre os principais eventos potencialmente traumáticos.

Trecho de entrevista concedida à FOLHA ESPÍRITA