Artigo alerta para necessidade de tratamento psicoterapêutico em casos de dores crônicas

Dr. Julio Peres e Dr. Mario Peres publicam artigo decisivo na Curr Pain Headache Rep sobre estratégias específicas no tratamento de pacientes com dor crônica relacionada a traumas psicológicos

A relação entre dores crônicas e traumas psicológicos – especialmente cefaléias e fibromialgia – é bem conhecida pela medicina e pela psicologia, mas poucos são os tratamentos em que medicamentos e psicoterapia andam juntos.

Essa associação é esclarecida e defendida no artigo “Psychological trauma in chronic pain: implications of PTSD for fibromyalgia and headache disorders”, publicado no periódico científico Curr Pain Headache Rep por Julio Peres, psicólogo clínico e doutor em neurociências e Mario Peres, doutor em neurologia.

No texto, os autores destacam a necessidade de estratégias específicas para pacientes com dor crônica, ressaltando que o diagnóstico de cefaléias e fibromialgia em pacientes traumatizados é de grande importância. Nestes casos, Dr. Julio e Dr. Mario alertam para a necessidade de psicoterapia como primeira linha de tratamento para pacientes com Transtorno de Estresse Pós-Traumático e dores crônicas.

Segundo os autores, pesquisas científicas atestam a sobreposição de traumas psicológicos em casos de cefaléias primárias e fribomialgia. Nestas ocorrências, os pacientes também apresentam maior incidência de depressão e transtorno de pânico.

O conceito de trauma também é abordado no artigo, alertando que sua caracterização depende do processamento do evento potencialmente traumático por parte do indivíduo.

No texto publicado no Curr Pain Headache Rep,Dr. Julio Peres retoma o tema do trauma, amplamente estudado em seu livro “Trauma e Superação: O que a Psicologia, a Neurociência e a Espiritualidade Ensinam”, lançado em setembro pela editora Roca que apresenta um panorama detalhado das situações mais comuns e extraordinárias que se apresentam ao indivíduo e à sociedade, provocando reações traumáticas, depressão, pânico, isolamento.

Apesar da notoriedade desses assuntos na sociedade atualmente, Peres – experiente pesquisador com artigos publicados nos mais importantes periódicos científicos, revistas e sites especializados em psicologia e neurociência ao redor do mundo – constatou a carência de informações científicas disponíveis sobre o assunto no Brasil. Isso motivou a concepção e realização do livro, cujo objetivo é compartilhar com os leitores de todos os campos, e não somente com os profissionais da área da saúde, as mais recentes descobertas relacionadas à neurociência e trauma psicológico para assim, fornecer instrumentos práticos para superação do sofrimento advindo de experiências profundamente dolorosas.