Como lidar com o medo e a Fobia?

Além de buscar tratamento para identificar as suas causas, buscar Auto-indução de relaxamento, resgatar a coragem e entrar em contato de forma suave e continua com o agente causador do medo podem ajudar no momento do pânico. Uma técnica que ajuda a enfrentar o medo é a auto-indução de relaxamento com foco na respiração tranquila apoiada por pensamentos de superação como ‘Eu me sinto tranquilo e seguro’, ‘Tudo está bem agora e assim continuará’, ‘Sou capaz e supero a mim mesmo’. Quando hiperventilamos (respiração ofegante, ansiosa) provocamos alterações do oxigênio na corrente sanguínea, favorecendo progressiva confusão mental e, como decorrência, exacerbação do medo. Por outro lado, quando mantemos a respiração tranqüila nos sentimos mais seguros, confiantes e com o controle preservado. Outra boa dica é resgatar o repertório de vitórias em outros períodos da vida (conquistas de objetivos no campo familiar, profissional, escolar, esportivo, etc.). Tais lembranças podem mobilizar novas associações para o fortalecimento da auto-imagem corajosa e vencedora. Enfrentar o medo aos poucos. Por exemplo, quem tem medo de voar precisa primeiro enfrentar o aeroporto, depois voos curtos sem tranquilizantes e ir gradativamente se expondo a voos mais longos. Chamamos esse processo de Dessensibilização (retirar a sensibilidade). Esse método favorece a diminuição gradativa da hipersensibilidade existente a uma condição fóbica por meio da exposição suave e contínua, que permite ao paciente fortalecer a percepção do controle e vitória sobre si mesmo. E, sim, pode ser aplicado em diversos casos.